Mulher evita estupro lendo passagens da Bíblia

Na madrugada deste sábado (14), no bairro do Jacintinho, em Maceió, a mão de Deus impediu mais um ato sem pudor.
O desempregado Josivaldo Firmino da Silva, 30, invadiu a casa de uma evangélica, na Rua Alfredo Marsiglia, e pediu dinheiro.
Prontamente, ela, acordou assustada com aquele sujeito bêbado e drogado que havia pulado o muro de sua residência, deu tudo o que tinha no momento: apenas R$ 45.

A vítima, a dona Maria Sílvia Silva Pereira, de 32 anos, estava no quarto, somente de calcinha.
À polícia, ela relatou que ele a obrigou a fazer sexo com ela, mas, num lance rápido de mão, a crente pegou a Bíblia que estava na cabeceira da cama e começou a ler um trecho das Escrituras.
Segundo a mulher, o homem, visivelmente alterado por conta das substâncias químicas que havia consumido, começou a ficar mais calmo. E, num momento de distração, Maria Sílvia saiu do quarto e, cobrindo os seios, foi para o meio da rua pedir ajuda.
Oficiais do Batalhão de Polícia de Eventos (BPE) foram acionados e pegaram o acusado sentado na casa ao lado, a qual era de seu irmão. O desempregado pretendia dormir lá após o rápido furto.
O flagrante só pôde ser feito porque Josivaldo Firmino estava contando o dinheiro que havia roubado da vizinha evangélica.
Dessa forma, ele foi conduzido até a Central de Polícia Civil, no bairro do Prado, onde foi autuado em flagrante por estupro, invasão de residência e roubo pela delegada plantonista Maria Aparecida Araújo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente (mas lembre-se):

1 - Comentários de anônimos (sem identificação) e/ou com e-mails inválidos serão apagados. Se comentar como anônimo, assine no final do seu comentário.
2 - Comentários com qualquer tipo de link serão deletados, mesmo que o link seja relacionado ao conteúdo do post.
3 - Nós do "O Mensageiro" ao menos tentamos escrever corretamente. Gostaríamos que os leitores fizessem o mesmo. Comentários escritos em miguxês e em caixa alta não serão aprovados.
4 - Antes de comentar, tenha certeza de que você entendeu o que acabou de ler para que possa fazer um comentário relevante e dentro do contexto.
5 - As opiniões expostas nos comentários não refletem as dos autores do blog.