Rádio Evangélica

Jesus é seu convidado ou Senhor?

Era uma vez um jovem muito rico. Ele morava em uma enorme mansão com dezenas de cômodos. Cada quarto era mais bonito e confortável do que o outro. Haviam pinturas, esculturas, lustres de cristal e ouro ornando os corrimões das escadas. Um dia, ele decidiu convidar o Senhor Jesus para vir à sua casa e permanecer como um convidado dele.
Quando o Senhor chegou, este jovem ofereceu-lhe o melhor quarto da casa.
"Este espaço é seu, Jesus! O Senhor pode ficar o tempo que quiser, o quarto é todo seu." Mais tarde naquela noite, ouviu-se um barulho muito forte de alguém batendo na porta da frente. O jovem vestiu o seu manto e fez o seu caminho até o andar de baixo. Ao abrir a porta, deparou-se com três demônios enviados pelo diabo para o atacar. Ele rapidamente tentou fechar a porta, mas um dos demônios bloqueava a porta com o pé. Algum tempo depois, após uma grande luta, ele conseguiu fechar a porta e voltou para o seu quarto totalmente esgotado.
"Não consigo acreditar", pensou o jovem. "Jesus está lá em cima no meu melhor quarto enquanto eu estou aqui em baixo lutando contra demônios. Bom, talvez ele apenas não ouviu." Então no dia seguinte, o jovem rico mudou Jesus para um outro quarto de hóspedes mais perto da porta de entrada, pois caso algo acontecesse de novo, o Mestre ouviria o barulho e viria ao seu socorro. Ainda cansado da luta da noite anterior, o jovem decidiu se deitar mais cedo naquela noite. Em torno da meia-noite, um barulho terrível vindo da porta da frente fez com que acordasse. Ele desceu as escadas tropeçando e abriu a porta para descobrir que dessa vez ao invés de três demônios, havia uma centena deles, todos enfurecidos forçando a porta, prontos para invadir sua bela casa.

Eram numerosos! Alguns conseguiram passar por cima dele e começaram a demolir tudo na casa exceto o quarto de hóspedes onde Jesus dormia. Por mais de três horas ele lutou e lutou até que finalmente todos foram embora . Extremamente exausto ele realmente não entendia isso tudo. "Por que o senhor não veio em meu socorro? Ele não ouviu toda essa comoção?" Incomodado, ele decidiu indagar o Senhor sobre os acontecimentos das últimas duas noites.
Calmamente ele fez o seu caminho para o elegante quarto onde ele tinha deixado Jesus.  Ele bateu na porta e chamour pelo Mestre. "Senhor, eu não entendo o que está acontecendo.  Nas duas últimas noites eu tive que lutar contra os demônios e por último eles destruíram tudo na minha casa exceto esse quarto em que você está. O Senhor não se importa comigo?" Ele podia ver as lágrimas que começavam a brotar nos olhos de Jesus, mas continuou, "Eu só não entendo, eu realmente pensei que depois que eu o convidei para se hospedar na minha casa você iria cuidar de mim e eu lhe dei o melhor quarto de hóspedes. O que mais se pode fazer? " "Meu precioso filho", disse Jesus calmamente. "Eu amo e cuido de você. Posso proteger tudo o que você tem, se você deixar tudo aos meus cuidados. Mas, quando você me convidou para vir aqui, você me trouxe a este quarto lindo e fechou a porta para o resto da sua casa. Eu sou Senhor deste quarto de hóspedes, mas eu não sou mestre desta casa. Eu protegi este quarto e nenhum demônio pode entrar aqui." "Ah, Senhor, por favor, perdoe-me", disse o jovem. "Eu entrego tudo que eu tenho para você. Estou tão triste por não ter oferecido tudo à você desde o começo. Eu quero que você tenha o controle de tudo." Jesus sorriu e disse-lhe que ele já  o tinha perdoado e que ele iria cuidar das coisas de agora em diante. Então juntos começaram a reparar os estragos e logo tudo voltou ao seu estado original.
Já era tarde da noite quando bateram à porta e uma voz profunda pedia para entar. Rapidamente o jovem saiu do seu aposento e viu quando Jesus já se dirigia à porta antes dele. Ele ficou espantado quando Jesus abriu a porta. Era satanás em pessoa com um grupo dos seus melhores demônios. "O que você quer, satan? "perguntou o Senhor. O diabo ficou chocado e gaguejando disse, "Me desculpe, acho que me enganei de endereço." Virando as costas para Jesus, ele e seus demônios partiram.